Pesquisa:
0
05.10.2009
Movimento Sindical
40 horas semanais: uma jornada crucial para o País

"A CNTM, juntamente com a Força Sindical e as nossas entidades filiadas, está totalmente mobilizada para a luta pelas 40 horas semanais, sem redução nos salários, como forma de gerar emprego no Brasil e mais qualidade de vida para a classe trabalhadora.

Depois de aprovada pela Comissão do Trabalho e debatida em Sessão Aberta no Congresso Nacional, a PEC - Proposta de Emenda à Constituição 231/95, que reduz de 44 para 40 horas a carga horária máxima de trabalho por semana, e aumenta a remuneração das horas extras de 50% para 75%, deverá entrar em processo de votação no plenário da Câmara.

O movimento sindical já tem clareza suficiente para defender esta mudança que é de amplo alcance social para os trabalhadores. Precisamos, contudo, massificar os nossos argumentos em defesa da redução perante a sociedade brasileira de um modo geral e, em Brasília, continuar pedindo o apoio e o voto dos parlamentares pelas 40 horas, já!"

Clementino Vieira
Presidente da CNTM-Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos de São Paulo

Comentar
Nome:
E-mail (opcional):
Comentário: caracteres faltando...
Copie o código ao lado no campo abaixo:
Nenhum comentário registrado para esta mensagem.