Pesquisa:
0
02.02.2010
Movimento Sindical
Movimento sindical em Brasília para pressionar pelas 40 horas

A partir desta terça-feira, 2 de fevereiro, cerca de mil sindicalistas de todas as centrais sindicais brasileiras farão uma vigília no Congresso Nacional, em Brasília, para exigir dos parlamentares a aprovação da PEC (proposta de emenda constitucional) 231/95, que reduz a jornada semanal de trabalho para 40 horas.

Os sindicalistas vão reunir-se às 14 horas no Salão Verde da Câmara dos Deputados.

“Vamos intensificar a luta pela aprovação da PEC 231/95, pois a participação de todos os trabalhadores será decisiva para a vitória”, afirmou Paulo Pereira da Silva, Paulinho, presidente da Força Sindical.

Os trabalhadores decidiram atuar em várias frentes: mobilização nos locais de trabalho, pressão para os patrões negociarem a jornada de 40 horas e vigília permanente para sensibilizar os parlamentares no Congresso Nacional.


Foto de Iugo Koyama
Clementino Vieira, presidente da CNTM

“Faremos greves e atos de protesto para o Congresso Nacional sentir a pressão popular e a força dos trabalhadores. Nossa proposta é boa para o Brasil porque vai gerar cerca de 2,2 milhões de novos postos de trabalho”, afirma o presidente da CNTM, Clementino Vieira.

www.fsindical.org.br
www.cntm.org.br  

Comentar
Nome:
E-mail (opcional):
Comentário: caracteres faltando...
Copie o código ao lado no campo abaixo:
Nenhum comentário registrado para esta mensagem.